Home / Comunicação

Notícias

Home / Comunicação

Notícias

Para o cidadão: Consulta gratuita de registro de nascimento e de óbito pode ser feita no site da Corregedoria

Compartilhe está notícia

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

Informações sobre registros de nascimentos e óbitos podem ser consultadas de forma on-line e gratuita pela página da Corregedoria Geral da Justiça do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro, através do Portal Extrajudicial. A plataforma permite que o usuário verifique de forma rápida em qual Serviço Extrajudicial se encontra o registro de nascimento ou óbito, facilitando assim a obtenção de segundas vias de certidões.

 

Apenas no 1º semestre de 2021, a ferramenta de Consulta de Nascimentos de Óbitos da CGJ já obteve mais de 950.177 acessos.

 

O banco de dados foi implementado pela Corregedoria com o objetivo de permitir aos magistrados a localização de registros de nascimento e óbito para instrução de processos judiciais, cíveis ou criminais. Em 2015, a Corregedoria passou a disponibilizar o acesso a toda população. 

 

O sistema permite aos cidadãos, aos órgãos judiciais e demais órgãos públicos a obtenção de informações relativas a registros de nascimento e óbito realizados em todo o estado desde agosto de 2007.

 

Passo a passo

Para que o cidadão realize a consulta ao Banco de Nascimento e Óbito é necessário informar os dados relativos ao nome da pessoa, ao nome da mãe, ao nome do pai, à data de nascimento, à data de óbito ou ao CPF.

 

Mais serviços para o cidadão

No Portal Extrajudicial, o usuário também pode consultar em qual cartório possui firma depositada, por meio da ferramenta online e gratuita Consulta de Firma.

 

Além dos serviços mencionados, é possível realizar no site da CGJ a Pesquisa de Protesto, através do lançamento do CPF ou CNPJ.

 

E, ainda, o Mapa Extrajudicial que reúne informações dos Serviços Extrajudiciais e permite que o cidadão encontre endereços de cartórios, além de informações sobre o serviço, telefone, nomes de delegatários. O Mapa utiliza a tecnologia do Google Maps e Street View já conhecida pela maioria dos internautas.

 

Fonte: CGJ

Compartilhe está notícia

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
marca-arpen